top of page

URGENTE: Reforma Trabalhista é derrotada no Senado

Mais um baque no governo Temer: Acaba de ser rejeitada no Senado a Reforma Trabalhista.

Ao contrário do que previa o Palácio do Planalto, o relatório do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) foi rejeitado nesta terça-feira (20) por 10 votos a 9 na Comissão de Assuntos Sociais. O texto alternativo apresentado pelo senador Paulo Paim (PT) foi aprovado como sendo o relatório da comissão.

Amanhã (21) o projeto segue para  a Comissão de Constituição e Justiça, onde deve ser lido pelo líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR). Mas a reforma já chegará na CCJ muito enfraquecida pelo revés de hoje.

A rejeição da matéria representa mais um grande baque no governo do presidente Michel Temer, que neste momento assiste da Rússia as notícias sobre a derrota.

Como Votaram

A ausência do senador Sérgio Petecão (PSD-AC) e os votos dos senadores Otto Alencar (PSD-BA) e do tucano Eduardo Amorim (SE) foram decisivos para a derrota.

Antes do início da sessão, o governo contava com o apoio dos parlamentares das duas siglas que compõe a base aliada.

Veja como votaram os/as senadores/as


Votaram a favor da reforma = 9 votos Waldemir Moka (PMDB/MS) Elmano Férrer (PMDB/PI) Airton Sandoval (PMDB/SP) Dalírio Beber (PMDB/SC) Flexa Ribeiro (PSDB/PA) Ricardo Ferraço (PSDB/ES) Ana Amélia (PP/RS) Cidinho Santos (PR/MT) Vicentinho Alves (PR/TO)

Votaram contra a reforma = 10 votos Hélio José (PMDB/DF) Ângela Portela (PDT/RR) Humberto Costa (PT/PE) Paulo Paim (PT/RS) Paulo Rocha (PT/PA) Regina Sousa (PT/PI) Eduardo Amorim (PMDB/SE) Otto Alencar (PSD/BA) Lídice da Mata (PSB/BA) Randolfe Rodrigues (rede/ap)

Foto: Lula Marques

Foto de Lula Marques


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

QUANDO O DIREITO FAZ A DIFERENÇA PARA AS PESSOAS

Cerca de 500 trabalhadores e suas famílias foram afetados positivamente pelas ações judiciais do Escritório Passos & Lunard, Carvalho, Vieira Advogados Associados (PLCV) durante as primeiras semanas d

Yorumlar


bottom of page